Dicas para comprar aparelhos de Ar Condicionado

A cada verão, mais e mais famílias estão optando por instalar aparelhos de ar condicionado em suas casas. Por causa da refrigeração e da melhoria tecnológica, eles deixam o ambiente muito mais fresco, gerando menos ruído que circuladores de ar ou ventiladores e com um consumo relativamente baixo.

 

Os modelos mais modernos de ar condicionado atualmente fazem menos barulho e consomem menos energia. Veja alguns modelos no site do eFacil

Neste post vamos dar algumas dicas para você escolher o melhor aparelho para as suas necessidades.

Como funciona o condicionador de ar?

O funcionamento do aparelho de ar condicionado é muito semelhante ao de uma geladeira. São basicamente 2 compartimentos: no primeiro (unidade evaporadora) existe uma rede de tubos contendo um líquido refrigerante (normalmente um CFC conhecido como R-22), onde acontece o resfriamento do ar ambiente. O aparelho puxa o ar do ambiente para seu interior, onde entra em contato com a rede de tubos. Com isso, o líquido refrigerante acaba “roubando o calor” do ar, que volta ao ambiente com uma temperatura inferior a inicial, enquanto o R-22 (agora aquecido) se transforma em gás (evaporação).

Já no segundo compartimento (unidade condensadora), um compressor de ar comprime o R-22, transformando-o em líquido novamente (condensação). Logo depois, o R-22 é enviado para perder o calor adquirido no primeiro compartimento com o auxílio de ventoinhas. Após resfriado, o R-22 volta ao outro compartimento para “roubar calor” novamente, enquanto o ar que sai das ventoinhas (agora quente) é liberado do outro lado, jogando o calor para fora da casa.

O compressor de ar é o principal responsável pela geração de ruído dos condicionadores de ar.

Modelos de condicionadores de ar

Conhecer o funcionamento do aparelho de ar condicionado é importante para entender as características dos diferentes modelos do mercado. Atualmente existem 3 principais modelos: janela, split e portátil.

O modelo “janela” é o mais tradicional. Nele, tanto a unidade de evaporação quanto a de condensação estão juntas numa mesma caixa metálica. Embora sua instalação seja muito mais simples (basta colocar em uma janela ou em um buraco na parede) e o preço seja mais em conta, ele é menos silencioso, já que tanto o compressor quando a ventoinha de refrigeração do R-22 ficam praticamente dentro do ambiente a ser refrigerado.

Já o modelo split é relativamente mais complexo de ser instalado, pois os compartimentos de evaporação e de condensação ficam em lugares distintos e precisam de tubulação para interligá-los. A grande vantagem é que como o condensador fica fora da casa, os ruídos gerados pelo compressor de ar e pela ventoinha não atrapalham o ambiente. Além disso, podem ser instalados no teto, otimizando a refrigeração do ambiente, ou podem ser colocados em locais que não possuem saídas para o ambiente externo (subsolo ou salas centrais em escritórios comerciais).

O modelo portátil é mais prático, não requer instalação (ideal quando o condomínio não permite alteração na fachada) e pode ser levado para refrigerar diversos ambientes. Não são tão eficientes como os outros modelos. Importante não confundir com climatizadores de ar, que normalmente funcionam como ventiladores + umidificadores do ar, mas não fazem a retirada do calor do ambiente. Os aparelhos de ar condicioando portáteis possuem sempre um tubo para jogar o ar quente do condensador para fora do ambiente, facilitando a distinção entre um aparelho de ar condicionado portátil e um climatizador de ar.

Qual a potência ideal para o tamanho do meu ambiente?
A capacidade de refrigeração dos aparelhos de ar condicionados é medida em BTU (Unidade de Calor Britânica).  Para melhor entender a função desta unidade, basta o usuário saber que para refrigerar uma área de 10m² com 4 pessoas são necessários 7500 BTU.

Importante o usuário verificar se a tomada em que o aparelho de ar condicionado será ligado é 110V ou 220V. Não esqueça também de verificar se a rede elétrica de sua residência já foi feita para receber um aparelho de ar condicionado. Por exemplo: observe se existe disjuntor exclusivo para o aparelho e tomada e fios elétricos com o diâmetro certo. O ideal é consultar um eletricista para não ser surpreendido.

Algumas dicas para melhorar a utilização do aparelho de ar condicionado

1- Feche sempre o ambiente antes de ligar o ar condicionado. Portas ou janelas abertas ajudam o ambiente a ganhar calor novamente, aumentando o gasto de energia.

2- Antes de ligar o ar condicionado, ligue o ventilador por alguns minutos. Isso aumenta a vida útil do aparelho.

3- Ao mesmo tempo em que o ar condicionado refrigera o ambiente, ele também retira a umidade. Para evitar a sensação de nariz, olhos e garganta seca, o ideal é beber bastante líquido, lavar olhos e narinas com soro fisiológico e, se possível, deixar uma toalha úmida ou uma bacia com água em algum local.

4- Limpe sempre a grelha (saída de ar do condensador) e troque o filtro de ar a cada 6 meses. Isso diminui as chances de doenças respiratórias.

5- Mesmo causando ressecamento nas mucosas, o ar condicionado é mais recomendado para alérgicos, pois ventiladores e circuladores de ar acabam espalhando a poeira pelo ar.

6 – Procure sempre modelos de aparelhos de Ar Condicionado com selos de consumo de energia eletrica da PROCEL / INMETRO. Os aparelhos dentro de classificações de menor consumo (A e B) serão sem dúvida as melhores opções em custo benefício.

Com estas dicas ficou bem mais fácil escolher o aparelho de Ar Condicionado que poderá atender melhor suas expectativas, não?

Vejam Aqui algumas sugestões do eFácil para você.

Até a próxima dica!

Related posts:

1000 ofertas para você realizar seus sonhos
Tanquinho e lavadora: qual a diferença?
Vida de solteiro: Como escolher a máquina de lavar roupas?
  • http://tiarcondicionado.blogspot.com/ valdir

    muito boa dica…

  • http://Website... maicon

    obrigado pela dica e quero saber como vai ser os proximos esplyt