Dicas para efetuar compras seguras na internet


Lojas online – maior praticidade, melhores preços e melhores formas de pagamento

Um dos principais receios das pessoas que nunca fizeram compras online é a questão da segurança. Talvez o medo seja justificável, pois todos nós já ouvimos ou vivenciamos histórias de roubo de dados virtuais.

A idéia deste post é contar um pouco como são feitas as transações virtuais. A maior arma contra o medo sempre foi o conhecimento, então nada mais útil do que informar e dar dicas de como você pode usufruir melhor das compras pela internet.

1- Por que fazer compras pela Internet?

Existem inúmeras vantagens de se fazer compras pela internet. A mais óbvia é a praticidade de você poder comprar os produtos sem precisar sair de casa, fugindo de trânsito, lojas cheias, perda de tempo e ainda sem ter o problema de chegar à loja depois de toda maratona e não encontrar o produto disponível para venda. Também é importante lembrar que nem todas as cidades possuem grandes lojas com uma variedade tão grande de produtos.

Outra vantagem é que na maioria das vezes as lojas virtuais possuem preços inferiores aos das lojas físicas e frequentemente são lançadas promoções com descontos ou prazos maiores para pagamentos. Além disso, é muito mais prático para você comparar preços, já que você está a poucos cliques de outras lojas.

Para se ter uma idéia sobre o crescimento do mercado online brasileiro, segundo o eBit (pioneiro na realização de pesquisas sobre hábitos e tendências de e-commerce no Brasil), as vendas pela Internet no primeiro semestre de 2010 superou os R$ 6,7 bilhões, valor 40 % superior em relação ao mesmo período do ano passado.

2- Comprar pela Internet é seguro?

Existem dois quesitos para serem levados em consideração quando falamos de segurança em compras na internet: forma de pagamento e entrega do produto.

- Segurança no pagamento

Muitas pessoas têm receio de pagar pela internet com medo de fraudes que podem acontecer ao fornecer o número do cartão de crédito. Mas se esquecem de que é extremamente simples fraudar o cartão quando fazemos compras em lojas físicas. As atitudes que tomamos quando damos o cartão ao vendedor minimiza os riscos de fraude. Se tomarmos atitudes semelhantes quando compramos na Internet, o risco de fraude em uma compra online fica praticamente zero. No final do texto daremos algumas dicas de segurança.

Se mesmo assim você não se sente seguro em comprar usando seu cartão de crédito ou não possui um, é possível optar por outras formas de pagamento, como o boleto bancário. Você pode imprimir o código de barras e pagar em qualquer banco/agência lotérica ou pagar em seu homebanking.

(1) Menu e (2) rodapé do Internet Explorer, (3) menu e (4) rodapé do Firefox e (5) menu do Google Chrome. Cadeado e o endereço começando por https indicam que os dados trocado entre o servidor e o usuário estão sendo criptotrafados.

Para garantir que seus dados estão seguro, sempre que for enviar dados sigilosos (senhas, número de cartão de crédito etc), é muito importante que você verifique se a página está protegida. Neste caso, todos os dados transferidos entre o computador e a loja estão criptografados, ou seja, mesmo se alguém conseguir interceptá-los, não conseguirá extrair o conteúdo, já que para isso são necessárias as chaves de descriptografia que somente a loja online possui.

Para verificar se os dados serão criptografados, basta procurar dois detalhes: Se a página começa com https no endereço (o s do final indica que a página é criptografada) e se existe um cadeado no navegador. Estando tudo certo, a transferência dos dados estará segura.

Usuários eFácil efetuam os pagamentos com cartão de crédito através da Redecard.

Algumas lojas online disponibilizam o pagamento direto pela operadora. No caso do eFácil, se você optar pelo pagamento via cartão de crédio MasterCard, por exemplo, o eFácil envia o comprador para efetuar o pagamento no site da Redecard, uma das maiores operadoras de cartões de débito e crédito do Brasil, com uma média de 1,8 bilhão de transações por ano.

- Entrega do produto


Selos de empresas relacionadas ao e-commerce brasileiro atestam que a empresa é séria e competente

Outro receio do consumidor quando se fala de lojas online é a entrega dos produtos. Neste caso, a principal dica é verificar se esta loja possui certificações de outras empresas que trabalham motitorando o e-commerce (por exemplo: BondFaro, BuscaPé, Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico – camara-e.net ou a eBit) e também procurar na internet se existem consumidores insatisfeitos ou que foram lesados pela loja em que você deseja efetuar a compra.

O eFácil é um braço do Sistema Integrado Martins, empresa com 55 anos no mercado e que é responsável pelo Grupo Martins, simplesmente o maior atacadista do Brasil. Isso é uma ótima referência para que suas compras sejam efetuadas com plena confiança.

Ainda no quesito entrega, outro receio do consumidor é a qualidade do produto adquirido, uma vez que em uma loja virtual não é possível verificar o produto antes da aquisição. As compras online também respondem pelo código de defesa do consumidor. Maiores detalhes no site do Procon de seu estado.

3- Algumas dicas para uma compra segura pela Internet.

- Tenha o hábito de nunca baixar conteúdo ilegal ou de origem desconhecida pela Internet. Pessoas mal intencionadas costumam colocar vírus para que o computador do usuário seja infectado quando abrir o programa. Sempre baixe programas dos sites oficiais da empresa.

- Nunca acredite em conteúdo enviado pelo email. Mensagens como “seu nome está no SPC” ou “instale a chave de segurança” normalmente são apenas chamativos para que os usuários mais desavisados instalem vírus no computador.

- Instrua todas as pessoas da casa a seguirem as dicas acima, inclusive as crianças.

- Tenha sempre um antivírus instalado. E lembre-se de que para a segurança estar em dia é necessário atualizá-lo sempre que possível. Se caso o computador identificar a existência de um vírus, fique tranquilo. Basta eliminá-lo, efetuar uma nova busca e pronto.

- Atualize sempre os programas que acessam a internet – navegadores, como o Internet Explorer, Firefox ou Chrome, e Instant Messengers, como MSN, Skype etc. Softwares desatualizados podem conter falhas de segurança.

- Nunca insira dados bancários em computadores públicos, como lan house ou lanchonetes.

- Tenha o hábito de verificar se aquele site onde você vai inserir seus dados possui criptografia.

- Verifique sempre se o endereço que você está acessando é realmente de onde você deseja acessar. É muito comum estelionatários criarem páginas falsas como nomedobanco.xyz.com.br ao invés de nomedobanco.com.br.

- Evite utilizar senhas óbvias para acessar o computador, email ou banco.

Related posts:

Red Hot Chilli Peppers – É só o começo!
Vida a dois: Saiba algumas dicas para registrar aqueles momentos mais marcantes
5 séries de sucesso para assistir e se divertir